Brincando com uma Nikon D700


Acabei de pegar um brinquedo novo: uma D700. A intenção inicial era de comprar uma D7000, que seria o topo das Nikon DX. A dificuldade de comprar a D7000, devido à imensa fila de compradores me fez repensar a questão. Acabei indo um pouco além e comprando a D700, que segundo

 é a

. Desculpem os canonzeiros.

A câmera é absurda, impressionante, fantástica. A pegada é boa, apesar de um pouco pesada. Extremamente rápida, os controles são fáceis de alcançar e bem intuitivos. Para quem estava acostumado com a D80 a adaptação foi imediata.

A velocidade e precisão do foco assustam. A nitidez também é acima das minhas expectativas. As lentes 24-70mm/2.8 e 70-200mm/2.8 não deixam a desejar também.

O formato FX aumenta o campo de visão de forma surpreendente. Eu não imaginava o quão grande angular é a lente em 24mm. Ela exibe no visor qual seria o corte caso o formato DX estivesse sendo usado e dá pena de ver tanta coisa sendo cortada. Ainda não usei uma lente DX para ver quão o tamanho em megapixels da imagem final. Acho que o corte será bem grande.

Preciso brincar mais, mas a impressão inicial é a melhor possível. Ken Rockwell tem razão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.